vai-e-faz_720x90
vai-e-faz_720x90
RECURSO PÚBLICO

Prefeitura paga mais de R$ 56 mil por internação de prefeito

O prefeito de Ibiara, Francisco Nenivaldo de Sousa, mais conhecido como Nenivaldo Barros, foi acometido pela covid-19 em dezembro de 2020

10/09/2021 09h18Atualizado há 3 semanas
Por: Paraíba Todo Dia

Neste período de pandemia de covid-19, muitos casos de políticos acometidos com a doença ganharam destaque, principalmente na Paraíba, quando foram registradas várias mortes notáveis. Porém, um caso peculiar chamou a atenção, devido ao custeio do tratamento por parte de um político. A Prefeitura de Ibiara pagou R$ 56.700 referentes à internação do prefeito em um hospital particular de João Pessoa para tratamento de covid-19. 

No mês de dezembro de 2020, o prefeito de Ibiara, Francisco Nenivaldo de Sousa, mais conhecido como Nenivaldo Barros, foi acometido pela covid-19 e precisou ficar internado, tendo sido até mesmo transferido para João Pessoa, onde passou 12 dias. O que acontece é que as despesas que o prefeito teve em hospital particular da capital para tratamento de covid-19 foram pagas com recursos públicos.

Dados coletados no Sagres do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), detalham o ressarcimento no valor de R$ 56.700 ao próprio Nenivaldo. De acordo com o detalhamento do empenho, feito no dia 31 de dezembro de 2020, os R$ 56.700 foram ressarcidos ao prefeito em decorrência de despesas gastas com a internação em enfermaria por três dias e mais nove dias em UTI.

Nenivaldo ficou internado no Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa, entre os dias 2 e 13 de dezembro, para tratamento de complicações em decorrência da covid-19, conforme explica o documento. O empenho foi pago no último dia do ano, em 31 de dezembro de 2020.

O prefeito de Ibiara foi transferido do Hospital Regional de Piancó, gerido pelo Estado da Paraíba e referência em tratamento de covid-19 na região.

Fonte: Click PB

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.