vai-e-faz_720x90
vai-e-faz_720x90
PORTADOR DE HIV

Suspeito de estupro é morto por companheiro de cela

Ele já possuía antecedentes criminais.

10/09/2021 09h07Atualizado há 2 semanas
Por: Paraíba Todo Dia
Fonte: Renato Diniz

Foi encontrado morto na noite desta quinta-feira (09/09) dentro de uma das delas do Presídio João Bosco Carneiro, em Guarabira, no Brejo, o suspeito de estuprar uma adolescente de 17 anos.

Flávio Davi dos Santos, de 37 anos, foi assassinado por companheiro de cela que confessou o crime.
O pescoço dele estava envolto numa corda feita de pano para dar a entender que tinha cometido suicídio por enforcamento, no entanto rapidamente a polícia descobriu que Flávio tinha sido assassinado por outro preso.
O autor já tem uma condenação de 20 anos.
ENTENDA O CASO
O estupro aconteceu na noite de terça-feira (07) no Bairro Alto da Boa Vista e Flávio foi preso na quarta-feira (08) por policiais militares do 4ºBPM e policiais civis em Guarabira.
A  polícia tomou conhecimento do crime às 04h00 da quarta.
A prisão ocorreu por volta das 08h30.
Conforme apurou a PM e a PC, a adolescente estava na residência de uma amiga e ao retornar para onde mora foi perseguida pelo homem que, armado com uma faca, a levou para próximo a um ginásio onde cometeu o estupro.
Ela contou que conseguiu fugir do maníaco, pediu ajuda e recebeu atendimento numa UPA.
A vítima foi submetida a exames tendo sido constatado de que o criminoso era portador do vírus HIV.
Ela reconheceu o suspeito.
Flávio já possuía antecedentes criminais.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.