RECONHECIMENTO

‘Inova Professor’ premia trabalhos vencedores em Campina Grande

A iniciativa é do mandato do deputado estadual Chió (Rede), o evento de premiação acontece no Cine São José, às 9h. São sete projetos finalistas; desses três serão premiados e dois receberão menções honrosas.

12/05/2022 08h10
Por: Paraíba Todo Dia
Chió: Foto Divulgação
Chió: Foto Divulgação

O Prêmio ‘Inova Professor’, que reconhece as melhores práticas de inovação em escolas públicas paraibanas, vai premiar os cinco melhores projetos na próxima quinta-feira (12), em Campina Grande. A iniciativa é do mandato do deputado estadual Chió (Rede), o evento de premiação acontece no Cine São José, às 9h. São sete projetos finalistas; desses três serão premiados e dois receberão menções honrosas. 

Os vencedores levam uma premiação de R$ 50 mil, para o primeiro lugar; de R$ 30 mil, para o segundo e de R$ 20 mil para o terceiro colocado. Os recursos são provenientes de emendas parlamentares do deputado Chió. Ele explicou que, além da premiação, os projetos serão inseridos em um banco de práticas inovadoras para que o Brasil e o mundo compartilhem da criatividade dos nossos educadores.

De acordo com o deputado, que é embaixador do ‘Inova Professor’, a iniciativa tem como objetivo democratizar o acesso dos paraibanos às suas Emendas Parlamentares. “A educação mudou a minha vida, é a única arma que confio para transformar o futuro do nosso país. O prêmio tem se consolidado como um celeiro de talentos e de inovações que só demonstram o potencial dos nossos educadores e das nossas escolas. Essa é a melhor forma de aplicar nossas emendas, na educação”, ressaltou Chió.

A Comissão Científica do prêmio é formada pelos professores Raimundo Lenilde (UFPI), Janinne Dias (UEPB), Djani Martinho (UFRN) e Eduardo Guimarães – Palestrante e Ativista da Educação.

 O prêmio – O ‘Inova Professor’ foi criado em 2021 pelo mandato parlamentar do deputado estadual Chió (Rede), com o objetivo de dar visibilidade a inovações realizadas em escolas públicas, e exaltar a criatividade dos professores paraibanos, que durante a pandemia por Covid-19 precisaram reinventar-se, para garantir a aprendizagem dos alunos. Lançado em Fevereiro de 2022, projetos de cidades como Pilões, Picuí, João Pessoa, Remígio, Esperança, Damião, Imaculada e Bananeiras estão concorrendo.