DE SAÍDA

Márcio Rangel deixa vice-presidência do Sindicato dos Jornalistas da Paraíba após nota de repúdio contra o Sistema Correio

Confira a nota de repúdio na íntegra

09/05/2022 13h45Atualizado há 2 semanas
Por: Paraíba Todo Dia
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O jornalista Márcio Rangel pediu afastamento da vice-presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba nesta segunda-feira (09). O pedido acontece após o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba emitir uma nota de repúdio contra o Sistema Correio de Comunicação, neste mês de maio.

Márcio Rangel enviou uma carta ao presidente do Sindicato, Land Seixas, onde alega motivos de caráter pessoal para se afastar da vice-presidência da entidade.

Leia a nota de repúdiu que o Sindicato havia divulgado contra o Sistema Correio de Comunicação na íntegra.

NOTA DE REPÚDIO

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba repudia de maneira veemente a atitude do Sistema Correio de Comunicação que mais uma vez atrasou o pagamento dos salários de parte significativa de seus funcionários. Além de não repassar os vencimentos aos trabalhadores até o quinto dia útil, a empresa sequer deu qualquer satisfação sobre a data para quitar o compromisso.

Reiteremos nossa indignação pela postura de desrespeito aos jornalistas que já amargam salários defasados há cinco anos, convivem com muitos descumprimentos e transgressões trabalhistas praticadas pelo Sistema Correio de Comunicação que sequer se sensibiliza por estarmos na véspera da segunda data mais comemorada no Brasil, em que os funcionários não poderão presentear suas mães por falta de um direito básico que é o pagamento de salário.

Ao contrário do slogan, há uma distância abissal entre o Sistema Correio e seus funcionários e nesta véspera do Dia das Mães, lamentamos que o tratamento que a empresa dispense a seus colaboradores, responsáveis pelo sucesso e pela receita do conglomerado, seja o da mais perversa madrasta já concebida pela ficção.